4 de setembro de 2009

Só para não esquecer:

4 comentários:

Lélia Maria disse...

o problema é que a gente perde isto de vista e às vezes faz o que nem a gente mesmo quer. amo(muitomuitomuito)você!

Carolina Matos disse...

e ponto final! Deveria ser simples assim...

gosto das suas sínteses das coisas.

bjo

Lia Dutra disse...

Parece criança batendo o pé, quero porque quero! Saudades daqui.

Belos e Malvados disse...

P/ Lélia. É verdade!!! (e a recíproca tb)

P/ Carolina. Deveria mesmo. Tb gosto dos seus textos, eles têm uma sonoridade muito bacana.

P/ Lia. E não é que é assim? rsrs