11 de setembro de 2010

Lembro perfeitamente do dia em que fui ao cinema sozinha pela primeira vez. Década de noventa, não era uma coisa muito comum naquele tempo, pelo menos não por aqui. Fiquei tão tensa que sai da sessão com dor de cabeça. Depois ficou mais fácil do que beber água, porque de beber água eu nem lembro. Fato que já fez o médico com quem me consulto há séculos dizer:
- Se você não aprender a beber água seus rins irão "trincar".
Pensei em procurar outro. Intimidade é fogo, acaba com a delicadeza.

4 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Eu não bebo água, esqueço totalmente. Já sei que vou morrer disso. Não lembro a primeira vez que fui ao cinema sozinha. Quase sempre foi assim. Todo dia, todo dia, te encontrar aqui é saber um pouco de mim. Thanks. Bjs

Lia Sergia Marcondes disse...

Fiquei com sede... Seu post me gerou um tweet: http://twitter.com/LiaSSM/status/24255571798

Belos e Malvados disse...

Beijos Borboletas.


Lia, minha filha, bebo café e refrigerante demais pra lembrar de beber água.

Lélia Maria disse...

intimidade também traz uma carga extra de cuidado. beba água, querida! e continue indo ao cinema.