13 de março de 2011

M-e-d-o-s

Conheço uma criatura que tem verdadeiro pavor de aranha. Quando ela era criança, não dormia sem que alguém olhasse embaixo da cama e garantisse que não havia nenhuma. Um amigo nosso tem medo de sapo, não consegue nem falar o nome. Eu travo quando tenho que pisar naquelas passarelas de vidro dos shoppings. Dizem as revistas que Daniel Radcliffe, o Harry Potter, tem medo de palhaços. Johnny Depp também. E de altura. Nicole Kidman tem pavor de borboletas. Matthew McConaughey não dirige em túneis. E Christina Ricci, a Wandinha da Família Adams, sofre de botanophobia, ou seja, medo de plantas.
Acho que os piores são mesmo de um tipo: os inexplicáveis.

15 comentários:

Danielle Martins disse...

O medo pior é o que sentimos!
Tenho fobia a sapos e as vezes me acho uma I... por isso.

Beijinhos!

Mariana disse...

Pavor de ouvir o telefone tocar de madrugada, é inexplicável?

Leonardo Xavier disse...

Eu até agora não descobri nenhuma fobia. No entanto, eu confesso que quando alguém me diz ter fobia a algumas coisas eu fico procurando entender. Lembro de ter uma amiga que tinha pavor a gatos.

Maria do Carmo Vieira disse...

Pois é, menina... não sou muito medrosa, mas não me sinto bem em lugares muito altos - sabe aquela sensação de cócegas nas pernas? -, não gosto de baratas (alguém gosta? rs)nem de caranguejeiras... Credo! Mas não dou a mínima pra sapos, rãs e cobra, por exemplo.

Não, Mariana, não creio q esse seu medo seja inexplicável; acredito que tenha a ver com o receio de ser uma notícia ruim, não?

Lélia Maria disse...

"conserve seu medo" - Raul Seixas

Borboletas nos Olhos disse...

Eu tenho medo de ter medo demais e acabar arriscando mais do que devo. Faz sentido?

Belos e Malvados disse...

Acho que faz sentido sim, Borboletas. Também já tive medo de ter medo, mas depois percebi que era inevitável.

Borboletas nos Olhos disse...

Eu passei por aqui só pra dizer que, bem, eu passei por aqui. Pois é, sentir saudades não é muito razoável mas fazer o que, né? Beijo

Belos e Malvados disse...

Pois eu adorei que você passasse por aqui para dizer que estava com saudades. Também estou: de vocês, de escrever aqui. É que esses dias andam estranhos, cheios de coisas demais, mas eu vou aparecer, juro. Bjos.

Mariana disse...

Só não apareci antes, prá não lhe incomodar, mas estou passando várias vêzes por aqui, prá saber notícias.
Fique bem, Anne(e volte, né?)
Abçs.

Belos e Malvados disse...

Mariana, também sinto falta de vocês. É que não estou achando inspiração, mas estarei de folga nos próximos três dias, vamos ver no que vai dar. rsrs.

maria de fatima disse...

cade vc?

Belos e Malvados disse...

E vc? Estava falando com Lu hoje que você tinha sumido daqui. Beijos.

clovis frederico disse...

Anne,
acho que pior do que ter medos é ter sido criado para não tê-los, assustado diante da realidade de ter que mostrar que é corajoso, mesmo quando não pode...
Beijos,
Clóvis

Belos e Malvados disse...

Clóvis, meu querido. Pois é, essas coisas todas fazem parte da nossa (de)formação, infelizmente.
Saudades.