9 de junho de 2010

Tabletes de chocolate sabor laranja, trufas com recheio de caipirinha e o dvd de Candelabro italiano que acabou de chegar.

...porque se eu quisesse viver da realidade e suas agruras estaria lá fora.

5 comentários:

Leonardo Xavier disse...

Eu nunca assisti Candelabros Italianos, mas o título me lembra uma a história de família. Eu acho que qualquer dia desses eu posto no blog.

Belos e Malvados disse...

Pronto Leo, agora danou: fiquei curiosa. rsrs

Borboletas nos Olhos disse...

Candelabro Italiano, jura? mesmo, mesmo? Que maravilha, tem uma das mais comoventes músicas de todos e todos os tempos. Vou já correr ao youtube e danar a emocionar-me...

Lélia Maria disse...

vc só confirma a minha teoria: além de ser sensível, é inteligente. helio tem é sorte...

Belos e Malvados disse...

Borboletas, juro que pensei em fazer um post falando do quanto me emociono naquela cena em que o Emilio Pericoli aparece cantando Al di lá....É uma das marcas do filme mesmo, fora o fato de Roma ser um personagem extra.

Lelia, obrigada querida. Um beijo.